segunda-feira, 30 de junho de 2014

[COPA DO MUNDO 2014] - Apresentação de Coréia do Sul - Bélgica

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - A Bélgica vai tentar, na tarde desta quinta-feira (26/06), igualar os desempenhos de Holanda, Colômbia e Argentina e fechar a Fase de Grupos da Copa do Mundo da Fifa 2014 com aproveitamento máximo - três vitórias em três jogos. Já classificada para as Oitavas de Final, a Bélgica foi apontada, antes do Mundial, como candidata a Seleção Revelação. Mas, apesar das duas vitória iniciais (2-1 sobre a Argélia, de virada, e 1-0 sobre a Rússia), tem apresentado um futebol discreto. A Coréia do Sul precisa vencer com boa margem de gols o duelo que será realizado na Arena Corinthians, em São Paulo/SP, e torcer por um resultado favorável no outro jogo do Grupo, entre Argélia - Rússia, que jogam no mesmo horário, na Arena da Baixada, em Curitiba/PR.

A Coreia do Sul jogou contra a Bélgica duas em Copas do Mundo da Fifa e ainda não venceu nenhuma vez. O primeiro confronto aconteceu na Copa do Mundo da Itália, em 1990, com vitória da Bélgica por 2-0. Depois, em 1998/França, empate em 1-1. Nesse jogo, disputado no dia 25 de junho de 1998, em Paris, o árbitro foi o brasileiro Márcio Resende de Freitas. Há ainda um terceiro confronto, amistoso, disputado em 1999, em Seul, quando os belgas conquistaram a vitória por 2-1.

O Blog do Teófilo apresenta um quadro-gráfico com os números de cada Seleção em todos os Mundiais (acima).

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras!
Teófilo Benarrós de Mesquita

domingo, 29 de junho de 2014

[COPA DO MUNDO 2014] - Apresentação de Argélia - Rússia

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - Argélia e Rússia entram em campo, na tarde desta quinta-feira (26/06), na Arena da Baixada, em Curitiba/PR, lutando pela segunda vaga do Grupo H para as Oitavas de Final. Mesmo com apenas um ponto conquistado, a Rússia pode se classificar, precisando para isso vencer a Argélia e torcer a Coréia do Sul não vencer a Bélgica, no mesmo horário.

Será o primeiro confronto entre as Seleções em Copas do Mundo. Anteriormente, apenas um duelo, há quase 50 anos, em novembro de 1964, quando empataram em 2-2, quando Rússia ainda era a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS).

A Rússia soma três vitórias em três partidas em Copas do Mundo contra Seleções Africanas. Os russos venceram Camarões por 4-0 em 1990/Itália (como União Soviética) e novamente por 6-1 em 1994/Estados Unidos (quando Oleg Salenko marcou cinco gols), antes de baterem a Tunísia por 2-0 em 2002/Japão-Coréia do Sul.

O Blog do Teófilo apresenta um quadro-gráfico com os números de cada Seleção em todos os Mundiais (acima).

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[COPA DO MUNDO 2014] - Apresentação de Portugal - Gana

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - Com apenas um ponto conquistado, a Seleção de Portugal tem, na tarde desta quinta-feira (26/06), na Arena Mané Garrincha, em Brasília/DF, uma missão extremamente difícil. Precisa vencer Gana (que com três pontos também luta pela classificação) por goleada e ainda torcer contra os Estados Unidos, que enfrenta a Alemanha no mesmo horário.

Será o primeiro confronto entre as Seleções em Mundiais, e também o primeiro encontro considerando-se qualquer tipo de partida. Portugal tem um histórico equilibrado de confrontos diretos contra adversários africanos em Copas do Mundo, tendo emplacado uma vitória (1-0 sobre Angola em 2006/Alemanha), um empate (0-0 com a Costa do Marfim em 2010/África do Sul) e uma derrota (1-3 para o Marrocos em 1986/México).

O Blog do Teófilo apresenta um quadro-gráfico com os números de cada Seleção em todos os Mundiais (acima).

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[COPA DO MUNDO 2014] - Apresentação de Estados Unidos - Alemanha

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - Um empate classifica as duas Seleções para as Oitavss de Final, no duelo da tarde desta quinta-feira (26/06), na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, Zona Metropolitana do Recife/PE, válido pelo Grupo G. E muitos acreditam nisso, num jogo de "compadres", principalmente em razão do companheirismo dos treinadores, os alemães Joaquim Low e Jürgen Klinsmann, o primeiro treinador da Seleção da Alemanha e o último atualmente dirigindo os Estados Unidos. Porém, em 2006, na Copa do Mundo da Fifa na Alemanha, os dois trabalharam juntos, com Low sendo Assistente de Klinsmann.

Será o segundo encontro das Seleções em Copas do Mundo e nunca os Estados Unidos fez gol na Alemanha, que venceu os dois confrontos, por 2-0 em 1998/França (com um gol marcado por Klinsmann) e por 1-0 nas Quartas de Final de 2002/Japão-Coréia do Sul. em outros sete confrontos (seis amistosos e um pela Copa das Confederações 1999) nunca houve empate.

Klinsmann é o terceiro técnico alemão a enfrentar o seu país de origem em Copas do Mundo. Os antecessores foram Sepp Piontek, que levou a Dinamarca a uma vitória por 2-0 sobre a Alemanha Ocidental em 1986/México, e Winnie Schaefer, cuja seleção de Camarões perdeu por 0-2 em 2002/Japão-Coréia do Sul.

O Blog do Teófilo apresenta um quadro-gráfico com os números de cada Seleção em todos os Mundiais (acima).

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[COPA DO MUNDO 2014] - Resposta à altura: Shaqiri lidera vitória e classificação suíça

Do Site Oficial da Fifa
pt.fifa.com
Foto: Getty Images/Site da Fifa

Manaus/AM - Abalada pela goleada sofrida contra a França, a Suíça chegou à última rodada do Grupo E precisando de uma boa reação para sonhar com a vaga nas Oitavas de Final da Copa do Mundo da Fifa. E a resposta para todas as dúvidas viriam dos pés de Xerdan Shaqiri. Ainda sem brilhar no Brasil 2014, o baixinho sobrou na partida disputada em Manaus/AM, fez todos os gols na vitória por 3-0 e, de quebra, garantiu a classificação dos europeus à próxima fase.

No entanto, mesmo com o apito final foi preciso esperar para comemorar. Isso porque os jogadores ainda aguardavam o fim da partida entre Equador e França, que terminou empatada em 0-0. Com o resultado no Rio de Janeiro/RJ, os helvéticos confirmaram a segunda posição no Grupo com seis pontos, à frente dos equatorianos, e agora encaram a Argentina em busca de vaga nas Quartas de Final.

Após a goleada para a França, Omar Hitzfeld esperava uma reação à altura de seus jogadores, e Shaqiri, eleito Craque do Jogo Budweiser, não decepcionou. O jogador do Bayern de Munique liderou todas as melhores jogadas de ataque e abriu seu repertório logo aos seis minutos de jogo, em chute de fora da área que entrou no ângulo de Valladares.

E ele não parou por aí. O segundo viria aos 32 minutos, em contra-ataque rápido puxado por Inler, que passou pelos pés de Drmic e terminou com o camisa 23 fuzilando na entrada da área. Envolvente, a dupla Shaqiri-Drmic ainda teria duas chances claras, com o meia deixando o atacante na cara do gol, mas com Valladares fazendo boas defesas em ambas oportunidades.

Honduras tinha mais posse de bola e até voltaria melhor no segundo tempo, chegando na cara de Benaglio ao menos em três ocasiões. Na melhor delas, Bengtson driblou o goleiro e tocou para o gol, mas Rodriguez salvou em cima da linha. A defesa suíça, aliás, mostrou falhas mais uma vez, assim como no jogo contra a França, mas escapou dos gols pela falta de pontaria dos hondurenhos, que se despediram do Mundial com apenas um gol marcado.

E se tinha até menos oportunidades na frente, pelo menos a Suíça saía com inteligência e qualidade. E foi em um desses contra-ataques que Shaqiri selaria a boa vitória, desta vez recebendo de Drmic e concluindo de esquerda, sem chances para Valladares. A vitória estava garantida, mas a festa só começaria um pouco depois, já com a certeza da classificação.

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras
Teófilo Benarrós de Mesquita


[COPA DO MUNDO 2014] - Apresentação de Equador - França

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - Matematicamente, a França ainda não está classificada. Mas é improvável sua eliminação na tarde desta quarta-feira (25/06), no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro/RJ. Para que ocorra, tem que perder para o Equador por goleada (a partir de quatro gols) e ainda assim ver a Suíça golear Honduras (também a partir de quatro gols de diferença).

Será o primeiro encontro das Seleções em Copas do Mundo, que trazem no retrospecto apenas um jogo, amistoso, em 2008, com vitória francesa por 2-0. Os franceses não perdem nenhum jogo de Copa do Mundo diante de adversários sul-americanos desde 1978, quando sucumbiram por 1-2 frente à Argentina. Desde então, os gauleses acumularam três vitórias e três empates, sem sofrerem gols nas últimas cinco partidas.

O Blog do Teófilo apresenta um quadro-gráfico com os números de cada Seleção em todos os Mundiais (acima).

Com cordiais
Saudações Fastianas e Brasileiras!
Teófilo Benarrós de Mesquita