sexta-feira, 11 de setembro de 2015

[JOGOS ESCOLARES DA JUVENTUDE] - Duplas do Tênis de Mesa trazem mais Medalhas para o Amazonas

Da Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer do Amazonas/Sejel

Fortaleza/CE - A dupla (e promessa do tênis de mesa amazonense) André Murchie e Luíz Luzio foi Campeã dos Jogos Escolares da Juventude, realizado em Fortaleza/CE, na modalidade Tênis de Mesa por duplas. Na Decisão, os amazonenses ganharam da dupla de São Paulo por 2-0, parciais de 11/8 e 11/9. Esse é o primeiro título nacional escolar dos mesatenistas que disputaram a competição pela segunda vez.

O técnico da dupla, Pedro Filho, disse que os garotos estiveram bem equilibrados diante os paulistas. “O esquema tático foi bem proveitoso e de quebra, a Medalha de Ouro abrilhantou o desempenho dos dois”, avaliou o técnico orgulhoso do feito dos jovens.

Pedro Filho destacou que há duas semanas, André sagrou-se Campeão Sul–Americano Sub 13 por equipes e Bronze no individual. Ainda conforme o técnico, a preparação dos atletas foi intensa e o entrosamento da dupla ajudou na conquista do título. “Devido à classificação no Jea's, tivemos apenas um mês para treinar. O entrosamento deles e essencial, pois há 4 anos eles participam de competição nacional”, explicou Pedro.

Ainda nas duplas, as atletas Brenda Nacena e Annifer Camarão (foto abaixo) ficaram com a Medalha de Bronze. As amazonenses perderam na Semifinais por 2-0 para a dupla principal de Santa Catarina(A). Na disputa pelo terceiro lugar elas derrotaram a equipe de Sergipe por 2-1, parciais 11/7, 11/8 e 7/11.
Realizado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), a etapa de 12 a 14 anos dos Jogos Escolares da Juventude é uma realização do Ministério do Esporte, em parceria com a Prefeitura de Fortaleza/CE e o Governo do Ceará. Em novembro, Londrina/PR recebe a etapa dos atletas de 15 a 17 anos.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

[CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO 2015] - Iranduba/AM perde fora de casa, para o Rio Preto/SP

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Divulgação/Iranduba/AM

Manaus/AM - Anfitrião, o Rio Preto/SP fez o dever de casa, se deu bem e estreou com vitória, no Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, na tarde desta quarta-feira (09/09), derrotando o Iranduba/AM por 3-0 no Estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto/SP. Saymon, Gabi e Jéssica marcaram para o Rio Preto/SP, numa partida que não teve ocorrência de cartões. No outro jogo do Grupo 1, o Santos/SP, também jogando em casa, venceu o Pinheirense/PA por 4-0, todos os gols marcados no primeiro tempo. O Iranduba/AM volta a campo na próxima quarta-feira (16/09), para enfrentar a Ferroviária/SP, no Estádio Ismael Benigno, a Colina, em Manaus/AM.

Ficha Técnica:
Rio Preto/SP 3-0 Iranduba/AM
Quarta-feira, 9 de setembro de 2015, às 14h (de Manaus/AM)
Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino
Primeira Rodada da Primeira Fase - Grupo 1
Estádio Anísio Andrade, em São José do Rio Preto/SP
Árbitra: Katiúcia da Mota Lima/SP
Assistente 1: Fábio Rogério Baesteiro/SP
Assistente 2: Marcela de Almeida Silva/SP
4° Árbitro: Márcio Henrique de Góis/SP
Assessor: Gilberto Corrale/SP
Gols: Saymon 7 e Gabi 23 minutos do primeiro tempo. Jéssica 13 minutos do segundo tempo.
Rio Preto/SP: Raissa; Ana Alice, Elis, Negona (Taci 10/2º) e Simela; Jéssica, Daniela (Millene 20/2º), Saymon e Mari; Gabi e Kamila (Suzana 10/2º). Treinador: Francisco Inojo.
Suplentes: Ju, Adriana, Millene, Mônica, Taci, Franciele, Isabela, Adria, Elaine, Janicleie e Suzana.
Iranduba/AM: Wilce; Mahele (Hilery 29/1º), Naiara, Joyce Kelle e Ariana Kelly; Cléia, Rose, Carine (Tati 13/2º) e Bia; Craque (Ketlen 27/2º) e Jú. Treinador: Olavo Dantas.
Suplentes: Fabrícia, Keiziane, Hilery, Ketlen e Tati.

Com 22 gols marcados em 7 jogos, o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino tem média de 3,14 gols marcados por partida. Nathália e Juliana (Portuguesa/SP), Barbie (Santos/SP) e Vigia (Flamengo/RJ) são as artilheiras da competição, com 2 gols marcados. A partida Foz Cataratas/PR - São José/SP completa a primeira rodada, na tarde desta quinta-feira (10/09), no Estádio Pedro Basso, em Foz do Iguaçu/PR. O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, começou na segunda-feira passada (07/09), com o Kindermann/SC, atual Campeão da Copa do Brasil, perdendo em casa para o Flamengo/RJ por 0-2, gols de Vigia aos 24 e aos 45 minutos do segundo tempo. Os outros resultados desta quarta-feira (09/09) foram:

Santos/SP 4-0 Pinheirense/PA - Grupo 1
Estádio Urbano Caldeira, a Vila Belmiro, em Santos/SP
Gols: Barbie 7, Barbie 12, Maria 25 e Luize 41 minutos do primeiro tempo.
Árbitra: Regilândia de Holanda Moura/SP
Assistente 1: Renata Ruel Xavier de Brito/SP
Assistente 2: Patrícia Carla de Oliveira/SP
4º Árbitro: Adriano de Assis Miranda/SP
Assessor: Carlos Donizeti Pianosqui/SP

Portuguesa/SP 6-1 Duque de Caxias/RJ - Grupo 2
Estádio Dr. Oswaldo Teixeira Duarte, Canindé, em São Paulo/SP
Gols: Nathália 9, Natália Luana 12, Nathália 19 e Ana Carlolina (DC/RJ, de pênalti) 22 minutos do primeiro tempo. Juliana 14, Juliana 21 e Ana Paula (contra) 29 minutos do segundo tempo.
Árbitra: Adeli Mara Monteiro/SP
Assistente 1: Márcia Bezerra Lopes Caetano/SP
Assistente 2: Fabrini Beviláqua Costa/SP
4º Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado/SP
Assessor: Joel Teixeira Caires/SP

América/MG 3-0 Mixto/MT - Grupo 3
Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas/MG
Gols: Nath 14 minutos do primeiro tempo. Nandão 27 e Aninha 29 minutos do segundo tempo
Expulsão: Chicão (Mixto/MT) 35 minutos do segundo tempo (segundo cartão amarelo)
Árbitro: Renato Cardoso da Conceição/MG
Assistente 1: Fernanda Nândrea Gomes Antunes/MG
Assistente 2: Grazielle Maia Santos/MG
4º Árbitro: Wanderson Alves de Souza/MG
Assessor: Rogério Pereira da Costa/MG
Delegado: Genildo Almeida Cajá/MG

Viana/MA 1-1 Vitória de Santo Antão/PE - Grupo 4
Estádio Governador João Castelo, o Castelão, em São Luis/MA
Gols: Andressa 13 e Thais 27 minutos do segundo tempo.
Árbitro: Paulo Sérgio Santos Moreira/MA
Assistente 1: Geison Mendes dos Santos/MA
Assistente 2: Ivanildo Gonçalves da Silva/MA
4º Árbitro: Mayron Frederico dos Reis Novaes/MA
Assessor: Renato Rodrigues da Silva/MA

Botafogo/PB 0-1 Tirandentes/PI - Grupo 4
Estádio Leonardo da Silveira, em João Pessoa/PB
Gol: Lulu 36 minutos do segundo tempo.
Expulsão: Iara (Tiradentes/PI) aos 41 minutos do segundo tempo (cartão vermelho)
Árbitro: Éder Caxias Meneses/PB
Assistente 1: José Maria de Lucena Netto/PB
Assistente 2: Adriana Basílio Soares Baracho/PB
4º Árbitro: Clizaldo Luiz Maroja Di Pace França/PB
Assessor: Joao Bosco Honorato/PB

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

[CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO 2015] - Iranduba/AM tem parada difícil na estreia, contra o Rio Preto/SP

Teófilo Benarrós de Mesquita

Manaus/AM - O Iranduba/AM estreia nesta quarta-feira (08/09) no Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, em sua terceira edição chancelada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Com a participação de 20 clubes de 14 Estados, o Campeonato tem 4 grupos de 5 clubes, e o Iranduba/AM está no Grupo 1, ao lado do Pinheirense/PA, Ferroviária/SP, Santos/SP e Rio Preto/SP, adversário da estreia. Dois clubes se classificam para a Segunda Fase.

A delegação viajou na madrugada desta terça-feira (08/09) para São Paulo/SP, de onde seguiria para Rio Preto/SP. A partir das 14 horas (de Manaus/AM), o time enfrenta o Rio Preto/SP, no Estádio Anísio Haddad. No outro jogo do Grupo 1, no Estádio Urbano Caldeira, a Vila Belmiro, em Santos/SP, o time da casa recebe o Pinheirense/PA, com transmissão para todo o Brasil pela Fox Sports.

O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, começou na segunda-feira passada (07/09), com o Kindermann/SC, atual Campeão da Copa do Brasil, perdendo em casa para o Flamengo/RJ por 0-2, gols de Vigia aos 24 e aos 45 minutos do segundo tempo. Além dos jogos do Grupo 1 (Rio Preto/SP - Iranduba/AM e Santos/SP - Pinheirense/PA, outros cinco jogos serão realizados nesta quarta-feira (09/09)Ç

14 horas (de Manaus/AM) - Grupo 2 - Portuguesa/SP - Duque de Caxias/RJ - Estádio do Canindé, em São Paulo/SP
14 horas (de Manaus/AM) - Grupo 3 - Foz Cataratas/PR - São José/SP - Estádio Pedro Basso, em Foz do Iguaçu/PR
14 horas (de Manaus/AM) - Grupo 4 - Botafogo/PB - Tirandentes/PI - Estádio Leonardo da Silveira, em João Pessoa/PB
14 horas (de Manaus/AM) - Grupo 4 - Viana/MA - Vitória/PE - Estádio João Castelo, em São Luiz/MA
18 horas (de Manaus/AM) - Grupo 3 - América/MG - Mixto/MT - Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas/MG

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

terça-feira, 8 de setembro de 2015

[OLÍMPIADA DA OAB] - Amazonas ganha troféu Fair Play em Goiânia/GO

Teófilo Benarrós de Mesquita
A partir de informações do Portal da OAB/GO
Fotos: Portal da OAB/GO
http://www.oabgo.org.br


Manaus/AM - Goiânia/GO sediou, entre os dias 2 e 7 de setembro, a I Olimpíada da OAB, competição nacional que reuniu advogados regularmente inscritos em todas as 27 seccionais Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A competição congregou o XVI Campeonato Brasileiro de Futebol Livre (campo oficial), o VII Camppeonato Brasileiro de Futebol Society Máster (Fut 7) e o III Campeonato Brasileiro de Vôlei de Praia, nas categorias Masculina e Feminina. A Olimpíada teve disputa ainda de Futebol Society SuperMáster (Fut 7), Vôlei, Futvôlei, Natação, Mini-Maratona (atletismo), Xadrez, Tênis, Peteca e Poker.

A Seleção da OAB/AM participou do VII Campeonato Society Máster, com participação de 20 Seleções de todo o Brasil. Integrante do Grupo B, a Seleção do Amazonas se classificou pelo critério técnico, após uma vitória e duas derrotas na Fase Classificatória. Na primeira rodada, dia 2 de setembro, os advogados amazonenses foram derrotados pelos maranhenses por 0-3. Na quinta-feira (03/09), nova derrota, para a OAB/RJ, por 1-3. Na terceira e última rodada a Seleção do Amazonas precisava vencer a de Rondônia por três gols de diferença para obter a vaga de forma direta. A vitória aconteceu, mas pelo placar de 3-1, deixando a classificação sob suspense. Encerrado todos os jogos, o Amazonas ficou com a 15º vaga, pelo critério técnico, cruzando com o time de segundo melhor desempenho, de Minas Gerais. Mesmo jogando bem nas Oitavas de Finais, no dia 4 de setembro, os amazonenses acabaram derrotados pelos mineiros por 1-3, após empate em 1-1 ao final do primeiro tempo. De consolo, a Seleção da OAB/AM levou o Troféu de Equipa Mais Disciplinada.

No XVI Campeonato Brasileiro de Futebol Livre (campo oficial), o Amazonas compôs o Grupo C e foi eliminado na Primeira Fase, terminando no último lugar geral da competição (27º) com 3 derrotas: 1-3 Maranhão no dia 2 de setembro; 0-3 Espírito Santos, no dia 3; e 0-4 São Paulo na última rodada, dia 4 de setembro.

Na partida entre Pará - Espírito Santo, no dia 4 de setembro, pelo VI Campeonato Brasileiro de Futebol Society Máster (Fut-7), o paraense Wandercley de Oliveira faleceu em virtude de infarto fulminante, durante o jogo. Como as delegações participantes da Olimpíada decidiram pela continuidade da competição todos os troféus levaram o nome do advogado paraense, conhecido como Dr. Oliveira. A cerimônia de premiação dos Campeões, realizada na segunda-feira (07/09) teve um minuto de silêncio em homenagem póstuma a Wandercley de Oliveira.

As finais do futebol foram realizadas pouco antes da cerimônia de premiação. Pela manhã foi disputada a Decisão na categoria Livre. A OAB/ES vencia a OAB/MG por 1-0 até pouco antes do encerramento da partida, mas os mineiros empataram nos últimos minutos e a disputa foi para os pênaltis, com vitória da Seleção Mineira por 2-1. Minas Gerais também conquistou o título no Máster, superando Rio Grande do Norte. No tempo normal, empate em 2-2 e, na disputa por pênaltis, os mineiros venceram por 2-1. Na categoria SuperMáster, Piauí e Minas Gerais empataram em 0-0 no tempo normal. Nos pênaltis, os piauienses venceram por 3-1, impedindo a conquista da Tríplice Coroa pelos mineiros.

Confira, abaixo, os nomes das equipes e atletas campeões:

Na categoria SuperMáster de Futebol (Fut 7):
Equipe mais disciplinada - Rondônia
Artilheiro da competição - Clayton Dias, de Minas Gerais
Equipe e goleiro menos vazado - Josafar Guilherme, do Espírito Santo
Melhor jogador da categoria - José Cury, do Piauí
3º lugar - equipe do Maranhão
2º lugar - equipe Minas Gerais
1º lugar - Piauí

Na categoria Máster de Futebol (Fut 7):
Equipe mais disciplinada - Amazonas

Artilheiro da competição - Fabiano Assis, de Minas Gerais
Equipe e goleiro menos vazado - Antônio Rubens, do Espírito Santo
Melhor jogador da categoria - Fabiano Assis, de Minas Gerais
3º lugar - equipe do Ceará
2º lugar - equipe do Rio Grande do Norte
1º lugar - equipe de Minas Gerais

Na categoria Livre de Futebol (campo oficial):
Equipe mais disciplinada - Mato Grosso
Artilheiro da competição - André Luiz Queiroz, do Espírito Santo
Equipe e goleiro menos vazado - Frederico Oliveira, do Goiás
Melhor jogador da categoria - Igor Tirony, do Espírito Santo
3º lugar - equipe de Goiás
2º lugar - equipe do Espírito Santo
1º lugar - equipe de Minas Gerais

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

[JIU-JITSU] - Associação Monteiro/AM conquista título no Open Internacional de Manaus/AM

Texto e Fotos: Emanuel Sports
Manaus/AM - O Amazonas mostrou novamente ao mundo que é terra de guerreiros. Competindo em casa, a Associação Monteiro/AM conquistou o título da categoria com quimono do Manaus International Open Jiu-Jitsu da IBJJF 2015. A competição organizada pela International Brazilian Jiu-Jitsu Federation e com suporte local da Federação de Jiu-Jítsu do Amazonas (FJJ-AM) foi um show de arte suave e contou com 1.000 atletas inscritos e um público rotativo estimado em 10.000 pessoas durante todo o sábado (05/09), na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira.

“Com o Open Internacional, Manaus/AM entrou de vez na rota dos grandes eventos esportivos de artes marciais. A competição foi um sucesso de participação e público, além de ter contado com atletas de vários Estados do Brasil do mundo na Arena”, destacou o presidente da FJJ-AM e subsecretário municipal de Esportes, Elvys Damasceno.

Na contagem final de pontos do Open Internacional com Quimono, a Associação Monteiro/AM somou um total de 200 pontos, obtidos com o excelente desempenho de 67 atletas inscritos. A equipe PSLPB Cícero Costha (SP/AM), com 24 competidores apenas, mostrou um alto nível técnico ao ficar em segundo lugar no pódio com 188 pontos. O Clube Omar Salum/AM foi terceiro, com 162 pontos e 52 inscritos.
Na categoria No-Gi (sem Quimono), a Associação Monteiro/AM também venceu o Open Internacional de Manaus/AM, com 91 pontos, seguida da Checkmat (54) e da Família Márcio Frank BJJ (52).

Resultado final do Open Internacional de Manaus 2015, modalidade com Quimono:

1 - Associação Monteiro/AM (67 atletas) - 200 pontos
2 - PSLPB Cicero Costha-SP/AM (24 atletas) - 188 pontos
3 - Clube Omar Salum/AM (52 atletas) - 162 pontos
4 – Checkmat - 90
5 - Gracie Humaitá - 90
6 - Família Márcio Frank BJJ - 89
7 - Gracie Barra - 83
8 - Clube Orley Lobato - 70
9 - Zenith BJJ - 62
10 - Carioca Team - 59

Resultado final do Open Internacional de Manaus 2015, modalidade sem Quimono:

1 - Associação Monteiro/AM – 91 pontos
2 - Checkmat - 54
3 - Família Márcio Frank BJJ - 52
4 - Gracie Barra - 43
5 - Clube Omar Salum/AM - 33
6 - PSLPB Cícero Costha - 32
7 - Juarez Harles BJJ - 31
8 - Clube Orley Lobato - 25
9 - Club Pina Jiu-Jitsu - 24
10 - Ryan Gracie Team - 24

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[SÉRIE D 2015] - Nacional/AM empata com Vilhena/RO em jogo para cumprir tabela

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Carlos de Souza/Arquivo [08/02/2015]
Site Oficial do Nacional/AM
http://www.nacionalfc.com.br

Manaus/AM - Foi um jogo sem atrativos para o torcedor, apenas 43 pagantes. Para os jogadores de Vilhena/RO e Nacional/AM, porém, estava em xeque a dignidade profissional, em razão da eliminação precoce das duas equipes, com duas rodadas de antecedência. Se por um lado o Vilhena/RO enfrentou dificuldades desde o início da competição, com restrição para inscrição de jogadores em razão de sanção sofrida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) motivada por dívidas financeiras, do outro lado os problemas do Nacional/AM foram outros, que levou o time de um dos favoritos à classificação no Grupo A1 e até mesmo para o Acesso, à uma campanha catastrófica, com apenas uma vitória em sete jogos. E com o empate em 2-2, na tarde noite deste domingo (06/09), na Arena Portal da Amazônia, em Vilhena/RO, o time amazonense completou 5 jogos sem saber o sabor da vitória.

A situação do Nacional/AM levou à dispensa de nove jogadores logo depois da derrota para o Rio Branco/AC, pela rodada passada, que acarretou a eliminação. Com um time renovado, com jogadores que até então nunca tiveram chances (Raílson e Weverton e entrando no decorrer da partida Hayllan) ou tiveram pouco aproveitamento (André Luiz e Thiago Verçosa), coincidentemente todos locais, o representante amazonense começou a partida melhor. Logo aos 3 minutos, André Luiz trabalhou com Weverton pela esquerda, com o atacante mandando uma bomba, raspando a trave esquerda de Wágner. Cinco minutos depois a jogada foi de Raílson, com Lídio recebendo e batendo para fora, com perigo.

Um choque entre Tukinha e Peter, aos 12 minutos, ocasionou a paralisação da partida, com o lateral do time rondoniense levando a pior e sendo substituído por Pablo. Seis minutos depois o árbitro carioca Rodrigo Carvalhaes de Miranda concedeu tempo técnico para reidratação dos jogadores e, aos 21 minutos, teve que suspender temporariamente o jogo, em razão da saída da ambulância do Estádio, para levar o jogador Tukinha a atendimento hospitalar. Cinco minutos depois, a partida recomeçou e o Nacional/AM abriu o marcador, aos 28 minutos, com Lídio, de cabeça, aproveitando cruzamento de Weverton. Depois do gol, o Vilhena/RO caiu ainda mais de produção, e o Nacional/AM mantinha a posse de bola, mas sem criar novas oportunidades de ampliar o placar.

Aos 50 minutos do primeiro tempo, Raílson entrou na área pela direita e tentou cavar o pênalti, que de fato não houve. Dois minutos depois, Raílson tentou de fora da área, com perigo, mas a bola desviou na zaga no meio do caminho, saindo em escanteio. No próximo lance, André Morosini se livra de dois marcadores e rola para Edilsinho, que é desarmado antes do domínio.

Os times voltaram para o segundo tempo sem alterações em suas formações e logo no primeiro minuto o Vilhena/RO chegou ao empate, quando Dourado lançou Edilsinho, que passou para Souza pegar à meia altura, direto para o fundo das redes do goleiro Rodrigo Ramos. No minuto seguinte, Wágner evitou o segundo gol do Nacional/AM, fazendo grande defesa, se esticando todo para mandar a bola a escanteio, depois de cobrança de falta de Raílson. Aos 6 minutos Raílson tentou lançamento para Thiago Verçosa, que estava adiantado, em posição de impedimento.

Como Raílson estava bem, e o Vilhena/RO voltou bem melhor para o segundo tempo, com boas articulações de jogadas no meio de campo, Paulo Morgado decidiu reforça a marcação no setor, tirando Lídio, que jogava mais avançado, e colocando um terceiro volante, Bruno Potiguar, aos 7 minutos. Após boa jogada de Bruno Potiguar, Thiago Verçosa, livre, perdeu mais uma boa chance de gol para o Nacional/AM, aos 9 minutos. No lance seguinte, Edilsinho cobrou escanteio da cabeça de André Morosini, que desperdiçou, para fora. Raílson saiu de campo, na segunda alteração de Paulo Morgado, para a entrada do jovem Hayllan, de 18 anos, que fez sua estreia profissional no Nacional/AM. Aos 12 minutos, novamente em bola parada mas desta vez em cobrança de falta, Edilsinho colocou na área a bola passou por todo mundo, até o corte de Robinho. Souza tentou, três minutos depois, para defesa segura de Rodrigo Ramos.

O treinador Marcos Birigui usou seu segundo e último suplente aos 17 minutos, colocando em campo um machucado João Victor, na vaga de Dourado. O Nacional/AM apresentou uma leve melhora, voltando a marcar presença ofensiva, tendo a seu favor muitas faltas e escanteios. Mas aos 25 minutos, por uma entrada mais violenta no tornozelo de Portela, Thiago Verçosa acabou expulso, recebendo o cartão vermelho de forma direta e deixando o Nacional/AM com um jogador a menos. A virada no marcador quase aconteceu aos 30 minutos, quando André Morosini avançou sem ser perturbado por marcação e bateu com estilo, com a bola explodindo contra o travessão de Rodrigo Ramos. Dois minutos depois, Souza recebeu em boas condições, mas desperdiçou, batendo sem perigo.

E o machucado João Victor, aos 35 minutos, acerto um belo chute, no ângulo de Rodrigo Ramos, desempatando o jogo e decretando a virada no marcador a favor do Vilhena/RO. A pá de cal poderia ter sido jogada dois minutos depois, mas Souza, após receber de Maycon cara a cara com Rodrigo Ramos, perde a chance de aumentar a vantagem rondoniense. O castigo veio à galope e no minuto seguinte, num apagão geral defensivo do Vilhena/RO, o pequeno Weverton cabeceou livre da marca do pênalti para empatar em 2-2 e dar números finais ao placar da partida. Ainda deu tempo de Hayllan fazer grande jogada, aos 40 minutos, com Hayllan driblando três adversários e quase marcando um golaço, mas batendo por cima da meta defendida por Wágner.

Com o resultado, os dois eliminados pouco mudaram na tabela de classificação: o Vilhena/RO permaneceu na terceira posição, passando a 6 pontos conquistados, e o Nacional/AM chegou aos 5 pontos, passando a lanterna do Grupo A1 para o Náutico/RR, seu adversário da última rodada, no próximo domingo (13/09), em Manaus/AM. O Vilhena/RO vai participar da festa de classificação do Clube do Remo/PA, que fará sua primeira apresentação no Mangueirão nesta Série D, com expectativa de quebra de recorde de renda e público na competição. O Rio Branco/AC já encerrou sua participação, empatando neste domingo (06/09) em 0-0 com o Clube do Remo/PA, na Arena da Floresta, fechando o Grupo A1 na liderança provisória, com 15 pontos ganhos, mas podendo ser superado pelo time paraense, vice-líder com 14 pontos.

Ficha Técnica:
Vilhena/RO 2-2 Nacional/AM
Domingo, 6 de setembro de 2015, às 17h30 (de Manaus/AM)
Campeonato Brasileiro da Quarta Divisão - Série D
Nona Rodada da Primeira Fase - Grupo A1
Arena Portal da Amazônia, em Vilhena/RO
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda/RJ
Assistente 1: Arnildo Lino dos Santos/RO
Assistente 2: Jonathan Antero Silva/RO
4° Árbitro: Fledes Rodrigues Santos/RO
Delegado: Leandro dos Santos Bratti/RO
Renda: R$
Público: 43 pagantes
Cartões amarelos: Felipe Manoel 53 e Weverton 53 minutos do primeiro tempo. Portela 13, Maurício Leal 16, Marinho 21, Dênis 25 e Bruno Potiguar 46 minutos do segundo tempo.
Expulsões: Thiago Verçosa (cartão vermelho direto) 25 e Dourado (cartão vermelho direto, no banco de suplentes) 45 minutos do segundo tempo.
Gols: Lídio 28 minutos do primeiro tempo. Souza 1, João Victor 35 e Weverton 38 minutos do segundo tempo.


Vilhena/RO: Wágner; Portela, Carlos Vinícius, André Morosini, Marinho e Maycon; Marcos Cucaú, Tukinha (Pablo 15/1º) e Dourado (João Victor 17/2º); Edilsinho e Souza. Treinador: Marcos Birigui.
Suplentes: João Victor e Pablo.
Nacional/AM: Rodrigo Ramos; Peter, Maurício Leal, Robinho e André Luiz; Dênis, Felipe Manoel, Raílson (Hayllan 11/2º) e Lídio (Bruno Potiguar 7/2º); Thiago Verçosa e Weverton (João Rodrigo 42/2º). Treinador: Paulo Morgado.
Suplentes: Wágner, João Rodrigo, Kelvin, Bruno Potiguar e Hayllan.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

domingo, 6 de setembro de 2015

[FUTSAL] - Estrela do Norte/AM vence a primeira no Adulto Feminino

Texto e Fotos: Emanuel Sports
Manaus/AM - Depois de dois empates consecutivos, o Estrela do Norte/AM fez as pazes com a vitória no Campeonato Amazonense de Futsal Adulto Feminino 2015. Pior para o Multi Sport/AM, do Alvorada, que foi goleado por 11-1 pelo time que representa a Zona Leste de Manaus/AM. A partida válida pela quarta rodada aconteceu na noite desta sexta-feira (04/09), na Mini Vila Olímpica do Coroado.

Numa jornada inspirada, Karen Barros foi o nome do jogo ao marcar três gols do Estrela do Norte/AM. Também se destacaram as jogadoras Letícia Lima, Thaís Alves e Tainá Barbosa, todas com duas bolas nas redes. Tainá Miranda e Larissa Brito completaram o show do atual campeão estadual de futsal feminino, que agora soma cinco pontos em três partidas. O Mult Sport/AM, do técnico Vágner Rodrigues, fez o gol de honra com Jordana. O time do Alvorada jogou com Nayara, Jordana, Raquel, Samanta e Lara Mesquita.
A quarta rodada começou na última segunda-feira (31/08), na Vila Olímpica de Manaus/AM. As meninas do Sesi/Salcomp/AM aplicaram uma goleada histórica de 7-0 no Santa Etelvina/AM, enquanto São Raimundo/AM venceu o Caec/Ufam/AM por 5-1. Na sexta-feira (04/08), o Ninho de Águias/AM goleou o Arsenal por 12-0.

A quinta rodada do Campeonato Amazonense de Futsal Adulto Feminino 2015 começa nesta terça-feira (08/07) e vai até a sexta-feira (11/09), com os seguintes jogos:

Terça-feira, 8 de setembro
Ginásio Domício Velloso, no Sesi

19h – Sesi/Salcomp/AM - Manaus/Atlético Manauara/AM
20h – São Raimundo/AM - Arsenal/AM

Sexta-feira, 11 de setembro
Ginásio da Mini Vila Olímpica do Coroado

19h – Ninho de Águias/AM - Santa Etelvina/AM
20h – Estrela do Norte/AM - Caec/Ufam/AM

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita