quarta-feira, 29 de junho de 2016

[CAMPEONATO BRASILEIRO DA SÉRIE D] - Nacional/AM consegue primeira vitória, sobre o Trem/AP

Texto: Site Oficial do Nacional/AM
http://www.nacionalfc.com.br
FotoS: Antonio Assis/Site da FAF
http://fafamazonas.com.br

Manaus/AM - Com total domínio de jogo, o Nacional/AM, com firmeza da atual zaga, saiu com a vitória diante do Trem/AP, por 2-1, neste domingo (26/06), na Arena Vivaldo Lima. A vitória foi comemorada, mas os jogadores afirmaram que podem fazer mais.

O Nacional/AM começou o primeiro tempo se impondo, mantendo a posse de bola. O que não estava agradando os torcedores era a falta de movimentação na frente. No entanto, o meio de campo adversário foi dominado por Leandro Chaves, mas não conseguia criar o último toque.

Nos cinco primeiros minutos de jogo, o Nacional/AM ficou com a bola no pé, tentando achar um espaço na zaga do Trem/AM que estava totalmente fechada. Aos 9 minutos, Leandro Chaves lançou Esquerdinha pela lateral, mas o passe saiu muito forte e o meia não conseguiu dominar.

O time do Trem/AM era pressionado pelo Leão da Vila Municipal e começou a arriscar nos contra-ataques. Aos 14 minutos o jogador Serafim arriscou de fora da área com um chute cruzado, mas a bola passa longe do gol de Tom.

Aos 15 minutos, movimentando bem a bola, o Nacional/AM criou suas jogadas pelas laterais. Nêgo mostrou habilidade nos dribles e troca passes com Nonato, mas ainda sem abrir o placar. Balão, do Trem/AP, cobrou falta no capricho, mas o goleiro Tom espalmou fazendo uma defesa linda, aos 18 minutos. Dois minutos depois, Esquerdinha sofreu falta próxima a área e Leandro Chaves cobrou com força, passando perto da trave.

O Trem/AP começou a mostrar mais vontade de ficar com a bola, a partir dos 24 minutos, tendo até breve domínio na partida, mas o Nacional se mostrou compacto com a zaga e os meias firmes em posição. Três minutos depois, Nêgo faz boa jogada com Nonato, cruzando a bola em sua cabeça, mas o bandeirinha marcou impedimento do atacante azulino.

Nêgo se destacava no jogo, tanto que aos 28 minutos começou a trocar passes com Malaquias que o leva bem à frente do gol, chutando cruzado para fora arrancando um grito da torcida. Logo em seguida o time do Trem/AP encaixou um contra-ataque e chutou ao gol, mas a partida continuava 0-0.

Aos 31 minutos o Nacional/AM permanecia com a bola tocando pela defesa e meio de campo. Um minuto depois Esquerdinha tentou enfiar a bola para Nonato mas goleiro se antecipou ao lance. Logo em seguida, Esquerdinha cruzou direto para o gol, tentado surpreender o goleiro com um belo chute. Mais adiante, novamente Esquerdinha chutou forte para o gol, com a melhor oportunidade até então, com o goleiro do Trem/AP espalmando para fora.

Malaquias tentou chute no canto esquerdo do gol, com a bola acaba saindo, aos 37 minutos. Em seguida, Leandro Chaves sofreu falta dura próxima a área e jogador Frank, do Trem/AP, levou cartão amarelo. Em seguida o goleiro do Trem/AM, Deivisson Ferrari, também é penalizado com um cartão amarelo por catimba.

Aos 44 minutos Malaquias chutou em direção ao gol adversário, mas a bola desviou em Nonato que se encontrava em impedimento. E o árbitro terminou o primeiro tempo aos 46 minutos, com o placar em 0-0.
A segunda etapa começou com vários cruzamentos para a área do Trem/AP. Nos primeiros 5 minutos os jogadores Nonato, Malaquias e Nêgo tentaram cruzar na área, mas ninguém apareceu. Aos 8 minutos, o Leão da Vila se mostrou firme na defesa e em seguida Leandro Chaves chutou por de longe, com a bola saindo por cima do gol. Em seguida, aos 9 minutos, Esquerdinha lançou Malaquias que chutou também sobre do gol.

Aos 11 minutos o treinador Vágner Benazzi decidiu mexer no time, saindo Nonato e entrando Jones. No minuto 14, Esquerdinha cruzou e o zagueiro tirou o perigo. Logo em seguida, Leandro Chaves cobrou escanteio, mas a bola passou por todos. Aos 16 minutos, Nêgo e Hércules fazem faltas e são penalizados com cartão amarelo. Aos 17 minutos, Nêgo tentou encobrir o goleiro que tira com as pontas dos dedos. Uma grande chance do Leão abrir o placar.

Aos 18 do segundo tempo sai o primeiro gol do Leão da Vila. Nêgo cobrou escanteio e Hércules, de cabeça, colocou a bola no canto direito do goleiro abrindo o marcador para o Nacional/AM. Em 21 minutos jogados, Esquerdinha saiu e entrou Álvaro. Em seguida, aos 23 minutos, Jones chutou fraco para o gol, com Deivisson Ferrari pegando com facilidade. Aos 26 minutos, Leandro Chaves tomou cartão amarelo.

Aos 29 minutos Leandro Chaves arriscou novamentea de fora de área e goleiro adversário segurou firme. No minuto seguinte, Kariri chutou forte por cima do gol. Em seguida Leandro Chaves saiu para a entrada de Osmar. Aos 31 minutos, Jones sofreu falta perto da área, ele e Álvaro ajeitam para a cobrança mas é Jones quem chuta, por baixo da barreira no canto direito, sem chances para o goleiro, marcando um golaço, ampliando para o Leão da Vila.

O Trem/AP reagiu e consegue um gol aos 38 do segundo tempo, com cruzamento de Kariri e cabeceio de Monga. Faltando 5 minutos para o fim da partida, o Trem/AP melhorou, enquanto o Nacional/AM apenas administrava o resultado. No minuto 48, Malaquias caiu e pediu falta, mas juiz mandou o jogo continuar. Logo em seguida o Nacional/AM manteve a posse de bola até o árbitro encerrar a partida.

Com esse resultado, aliado ao empate de Genus/RO 1-1 Atlético/AC, o Nacional assumiu a segunda colocação do Grupo, com quatro pontos, atrás do Atlético/AC, líder, com 5 pontos. O Grupo está bastante equilibrado e com chance de classificação para todas as equipes.

A próxima partida do Nacional/AM é no Amapá, novamente contra o Trem/AP. Uma vitória do Leão na próxima rodada e um empate ou vitória do Genus/RO contra o Atlético/AC dá a liderança ao time amazonense, deixando o Nacional/AM com excelentes chances se classificação, podendo ser até primeiro lugar.

Ficha Técnica:
Nacional/AM 2-1 Trem/AP
Campeonato Brasileiro da Quarta Divisão - Série D
Terceira Rodada da Primeira Fase
Sábado, 25 de junho de 2016, às 16 horas (de Manaus/AM)
Arena Vivaldo Lima, em Manaus/AM
Árbitro: Avelar Rodrigo da Silva/CE
Assistente 1: Marcos Santos Vieira/AM
Assistente 2: Jander Rodrigues Lopes/AM
4º Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior/AM
Assessor: Vladimir Pessoa Bastos/AM
Renda: R$ 8.190,00
Público pagante: 462(788 presentes)
Cartões amarelos: Frank 39 e Deivisson Ferrari 41 minutos do primeiro tempo. Nêgo 16, Hércules 16, Leandro Chaves 26, Monga 33 e Luis Henrique 47 minutos do segundo tempo.
Gols: Hércules 19, Jones 32 e Monga 39 minutos do segundo tempo.

Nacional/AM: Tom; Nêgo, Luis Henrique, Édson Rocha e Cazumba; Hércules, Tiago Ulisses, Leandro Chaves (Osmar 31/2º) e Esquerdinha (Álvaro 21/2º); Malaquias e Nonato (Jones 12/2º). Treinador: Vágner Benazzi.
Suplentes: João Paulo, Roberto Dias, Thiago Bernardi, Radar, Eusébio, Cal, Osmar, Álvaro, Charles, Rafael Bastos e Jones.
Trem/AP: Deivisson Ferrari; Serafim, Thiago Costa, Zé Adriano e Almir; Diogo Piraca, Balão, Frank (Marçal 22/2º) e Kariri; Branco (Monga 17/2º) e Adriano Miranda (Moisés 29/2º). Treinador: Sandro Miranda.
Suplentes: Paulo Roberto, Rodrigo, Brendeo, Marçal, Rafael Baiano, Moisés e Monga.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

terça-feira, 28 de junho de 2016

[CAMPEONATO AMAZONENSE DE JUNIORES 2016] - Fast Clube/AM goleia Penarol/AM e conquista Bicampeonato

Da Assessoria de Comunicação da Sejel
Fotos: Antonio Lima/Sejel

Manaus/AM - O Fast Clube/AM consagrou-se como o primeiro campeão do futebol de Base do Amazonas na Arena Vivaldo Lima, na tarde deste sábado (25/06) e escreveu seu nome no gramado do Estádio que vai ser palco das Olimpíadas. Dono da melhor campanha da competição, o Rolo Compressor conquistou o Bicampeonato Amazonense Júnior ao vencer por 4-1 o Penarol/AM. A competição recebeu o apoio do Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Lucas Bueno, o Peteca (2), Jackie Chan, o artilheiro da competição, e Matheus Iton foram os autores dos gols da vitória do Fast Clube/AM. Ronny marcou o gol de honra do Leão da cidade de Itacoatiara. Feliz por mais um título na carreira, o técnico do Rolo Compressor, Darlan Borges, exaltou o profissionalismo do grupo que nos últimos quatro anos vem arregimentando as principais competições de Base do Amazonas.

“Mostramos ser uma equipe bastante forte. Disparamos na artilharia do campeonato, tendo o maior número de pontos, vitórias, melhor defesa, melhor ataque, artilheiro. Foi um trabalho profissional e a Base do Fast Clube/AM é completamente imbatível. Essa geração foi Campeão Infantil em 2012, Juvenil 2014, Campeão Juniores 2015, ganharam a Copa Norte em 2015, Campeão Juniores 2016, e este momento veio coroar o nosso trabalho”, comemorou o treinador.

Diante do adversário poderoso, o vice-campeonato não desanimou a garotada do Penarol/AM. “Os jogadores foram guerreiros, nossa equipe foi além do que imaginávamos. Fomos para a disputa com uma equipe entrosada e que trabalha há mais de três anos juntos. Méritos para o Fast Clube/AM. Esperamos que ano que vem este título venha”, declarou o técnico do Penarol/AM, Ruy Aparício.

Para a Decisão do Estadual Sub-20, foi preparada uma festa bonita, inspirada nas grandes competições brasileiras, com direito a Troféu estilizado, sky paper, pórticos de premiação e medalhas personalizadas. “Fizemos questão de preparar uma grande final, que merecia com toda certeza a Arena Vivaldo Lima. Isso demostra para os jogadores e toda a equipe técnica a importância deles para o futebol local. É uma maneira de valorizá-los e dar ao torcedor um momento especial”, destacou o Secretário de Estado da Juventude, Esporte e Lazer, Fabrício Lima, ao lembrar que todos os 78 jogos do torneio contaram com apoio dos órgãos de saúde e segurança do Governo do Amazonas.
O JOGO
Dono da vantagem do empate e podendo até perder por um gol de diferença, a garotada do Fast Clube/AM se mostrou faminta para balançar as redes. O trio Ricardo, Jackie Chan e Lucas Bueno fizeram o jogo de ataque contra defesa do Penarol/AM, que segurou as investidas do Tricolor de Aço o quanto pôde. A retaguarda penarolense só começou a ruir aos 26 minutos. Num cruzamento da direita de Werley, Lucas Bueno escorou para o primeiro gol.

Três minutos depois foi a vez do Penarol/AM marcar. Em cobrança de falta, Ronny surpreendeu o goleiro Bruno Saul com um chute rasteiro no canto esquerdo. Aos 33 minutos o artilheiro da competição brilhou. Em jogada pelo meio, Lucas Bueno deixou Jackie Chan de frente para o gol e de perna esquerda o meia-atacante estufou as redes, colocando o Fast Clube/AM de novo em vantagem.

A tônica da partida foi mantida no segundo tempo. Com amplo domínio e posse de bola, o Tricolor de Aço marcou o terceiro com Lucas Bueno, aos 16 minutos. Aos 42 miniutos, o Fast Clube/AM ainda aumentou o placar com Matheus Iton, fechando vitória em 4-1.

Ficha Técnica:
Fast Clube 4-1 Penarol/AM
Campeonato Amazonense de Juniores (Sub-20) 2016
Decisão - Jogo de Volta [Placar agregado: Fast Clube/AM 7-3]
Sábado, 25 de junho de 2016, às 16 horas (de Manaus/AM)
Arena Vivaldo Lima, em Manaus/AM
Árbitro: Carlos Augusto Silva de Souza/AM
Assistente 1: Jeová Rodrigues dos Santos/AM
Assistente 2: Paulo Sérgio da Fonseca/AM
4º Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior/AM
Árbitro Estagiário: Felipe Alonso Araújo/AM
Público presente: 702 pessoas (entrada gratuita)
Cartões amarelos: Bruno Saul 40 e Jackie Chan 40 minutos do primeiro tempo. Bibi 8 e Zé Pedro 10 minutos do segundo tempo.
Gols: Lucas Bueno 26, Ronny 29 e Jackie Chan 33 minutos do primeiro tempo. Lucas Bueno 16 e Matheus Iton 42 minutos do segundo tempo.

Fast Clube/AM: Bruno Saul; Ricardo (Velho 29/2º), Guigui, Thiago e Matheus Iton; Renê, Eli (Pônei 23/2º), Werley (Françoar 35/2º) e Jackie Chan (Richardison 35/2º); Lucas Bueno (Rafael Lobato 23/2º) e Wallace (Ádson Júnior 28/2º). Treinador: Darlan Borges.
Suplentes: Guanair Júnior, Rafael Lobato, Velho, Pablo, Richardso, Ádson Júnior, Pônei, Françoar, Bebê, Frank e Rivaldo.
Penarol/AM: Matheus; Zé Pedro, Júnior, Bibi e Erison; Davi Alfaia, Vinícius (Léo Victor 12/2º, depois Miguel 37/2º), Léo e Jardel (Romarinho 12/2º); Roony e Max. Treinador: Nelmo Corrêa.
Suplentes: Jameson, Léo Victor, Elivelton, Cadu, Elielson, Nickson, Miguel, Romarinho, Cláudio e Marivaldo.
*Público: 702 pessoas
*Entrada gratuita

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita