sábado, 4 de março de 2017

[ATLETISMO] - Corrida da Mulher Amazônica terá mais de mil participantes

Da Assessoria de Comunicação da Sejel
Foto: Antonio Lima/Sejel

Manaus/AM - Para celebrar uma das datas mais charmosas do ano, acontece neste domingo (05/03) a 4ª Edição da Corrida da Mulher Amazônica. A prova, de 5 quilômetros, terá largada às 7 horas, na sede da Secretaria do Estado da Fazenda do Amazonas (Sefaz), localizada na Avenida André Araújo, bairro Aleixo, Zona Centro-Sul, e deve reunir 1.200 participantes. O evento conta com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Umas das novidades deste ano, foram as vagas oferecidas para a categoria Casal, usuário de Cadeira de Rodas, Deficientes Visual, Deficiente Auditivo (surdo-mudo), Masculino, Funcionários da Sefaz e profissionais da Imprensa.
“A iniciativa de expandir as categorias tem o objetivo de fomentar a prática esportiva e enaltecer e valorizar nossas mulheres. É muito bom fazer esse trabalho de inclusão social e fico muito emocionada em poder ter essa oportunidade de levar alegria para as pessoas”, afirmou organizadora, Jeroniza Albuquerque.

Destaque no calendário de corrida pedestre, as participantes sabem que ultrapassar a linha de chegada em primeiro lugar é excelente, mas usufruir de um dia especial regado a massagens, bem-estar, cuidado com o Meio Ambiente e com a beleza é uma motivação sem igual. “Não é uma corrida só para elas, é um evento em si para elas. Teremos vários sorteios de prêmios de beleza, aferição da pressão. A temática Ambiental também é muito importante a vamos ter a plantação de mudas”, contou.

Com mais de mil inscritos, a corrida também busca não só fazer o bem para a saúde como ajudar o próximo. Na retirada dos kits de corrida, os participantes vão entregar um 1 quilo de leite em pó destinados a 10 entidades filantrópicas. “É uma ato de solidariedade que fazemos. Cada inscrito vai ter que entregar um 1 quilo de leite que estaremos destinando para asilos, casa de apoio às mulheres, abrigos e centro de apoio aos idosos”, destacou.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[BOM DIA MUSICAL] - Naquela Mesa, com Zelia Duncan, Hamilton de Holanda e Nilze Carvalho

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Divulgação

Manaus/AM - De volta com o Bom Dia Musical, o Blog do Teófilo mais uma vez atende ao pedido de uma leitora, trazendo neste sábado (04/03) essa Fantástica combinação entre Zelia Duncan, Hamilton de Holanda e Nilze Carvalho para o clássico Naquela Mesa, composta por Sérgio Bittencourt, para homenagear seu falecido Pai, Jacob do Bandolim.

Bem a propósito, a sugestão vem na véspera do Aniversário de meu falecido Pai, Teófilo Narciso de Mesquita Neto, que nos deixou em 12 de janeiro de 2011 e que se vivo fosse, completaria neste 5 de março, 73 anos.

Também a propósito, hoje, 4 de março, minha Amada Mãe, Ledice Benarrós de Mesquita, comemora 67 anos, a idade que meu Pai nos deixou...

BOM DIA E BOM FINAL DE SEMANA!!!

Escute a música em: https://www.youtube.com/watch?v=MiV8GarcHHo

Naquela mesa ele contava histórias, que hoje na memória eu guardo e sei de cor.

Naquela mesa ele sentava sempre
E me dizia sempre, o que é viver melhor.
Naquela mesa ele contava histórias,
Que hoje na memória eu guardo e sei de cor.

Naquela mesa ele juntava gente
E contava contente o que fez de manhã.
E nos seus olhos era tanto brilho,
Que mais que seu filho, eu fiquei seu fã.

Eu não sabia que doía tanto
Uma mesa no canto, uma casa e um jardim.
Se eu soubesse o quanto doi a vida,
Essa dor tão doída não doía assim.

Agora resta uma mesa na sala
E hoje ninguém mais fala no seu bandolim.
Naquela mesa tá faltando ele
E a saudade dele tá doendo em mim.


Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

sexta-feira, 3 de março de 2017

[COPA VERDE 2017] - Fast Clube/AM e Santos/AP se enfrentam pelo Grupo C da Primeira Fase

Teófilo Benarrós de Mesquita
Arte: Facebook do Fast Clube/AM

Manaus/AM - Fast Clube/AM e Santos/AP se enfrentam, a partir das 16 horas da tarde deste domingo (05/03), na Arena Vivaldo Lima, pelo Grupo C da Primeira Fase da Copa Verde 2017. Será a estreia dos clubes na competição, após serem eliminados na Primeira Fase da Copa do Brasil. O Jogo de Volta será disputado dia 19 de março, no Estádio Zerão, em Macapá/AP.

O Fast Clube/AM fará seu segundo jogo oficial na temporada. Pela Copa do Brasil, empatou com o Vila Nova/GO em 1-1, na Arena Vivaldo Lima, e acabou eliminado por força do novo regulamento. Depois, realizou dois jogos-treinos contra o Rio Negro/AM, vencendo por 3-0 e 5-0. O clube anunciou a contratação do goleiro Pablo, que defendeu o Nacional/AM na Fase Preliminar da Copa Verde, quando o rival amazonense foi eliminado pelo Galvez/AC.

O Santos/AP também cumprirá sua segunda partida no ano, após a derrota por 0-2 e eliminação frente ao Vasco da Gama/RJ, na Arena das Dunas, em Natal, no último dia 9 de fevereiro. No período de 25 dias, o Santos/AP aprimorou a parte técnica e física, e contratou dois novos reforços: o meia Rafinha e o atacante Maicon, ambos com passagens pelo clube amapaense, em 2016 e 2011, respectivamente.

Os ingressos para a partida podem ser adquiridos na Bilheteria D da Arena Vivaldo Lima, localizada por trás da Arena Amadeu Teixeira. A inteira custa 20 reais e a meia, 10 reais.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

quinta-feira, 2 de março de 2017

[CAMPEONATO AMAZONENSE DA SEGUNDA DIVISÃO] - Penarol/AM oficializa pedido para a Federação proclamar o Holanda/AM Campeão

Teófilo Benarrós de Mesquita
Manaus/AM - O Diretor Técnico da Federação Amazonense de Futebol, Ivan da Silva Guimarães, confirmou ao Blog do Teófilo, no início da tarde desta quinta-feira (02/03), que o Penarol/AM oficializou um pedido para proclamar o Holanda/AM como Campeão Amazonense da Segunda Divisão 2017. A Decisão, que seria disputada hoje, foi cancelada pela Federação e a premiação será entregue no próximo dia 7 de março, por ocasião do Torneio Início, que acontecerá na Arena Vivaldo Lima. A motivação foi o súbito falecimento do Presidente do Holanda/AM, Leão Braúna (foto), na última segunda-feira (27/02).

O Penarol/AM e também a Federação Amazonense de Futebol, consultaram o Presidente do Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas, Édson Rosas Júnior, se haveria algum prejuízo ao clube na tomada desta decisão por sua Diretoria. "Pelo contrário, Édson até elogiou a atitude de grande desportividade do Penarol/AM, que então se sentiu ainda mais à vontade e seguro para oficializar o pedido de proclamar o Holanda/AM como Campeão da Segunda Divisão 2017", garantiu Ivan Guimarães.

"A atitude é louvável e até justa, pois o Holanda/AM teve o melhor índice técnico da competição, somando mais pontos. O Penarol/AM teve a segunda melhor campanha, na somatória dos pontos, vindo a seguir Tarumã/AM e CDC Manicoré/AM", lembrou Ivan. "Estamos também encaminhando a sugestão de denominação de Torneio Início Leão Braúna, ao Presidente da Aclea (Associação dos Cronistas e Locutores Esportivos do Estado do Amazonas), Eduardo Monteiro de Paula, e estamos no aguardo da resposta. Manifestamos também o desejo da Federação de entregar as premiações de Campeão e Vice-Campeão por ocasião do Torneio Início", revelou. O Blog do Teófilo tentou confirmar a denominação junto ao Presidente da Aclea, mas não obteve sucesso nas ligações tentadas.

O Penarol/AM, como Campeão da Primeira Fase, e o Holanda/AM, como Campeão da Segunda Fase, decidiriam o Campeonato Amazonense da Segunda Divisão. Ivan Guimarães lembrou também que, de acordo com o Regulamento da competição, o cancelamento não interfere nos critérios de Acesso, pois os dois times já estavam garantidos na Elite do Futebol Amazonense, que terá início no próximo dia 14 de março, uma terça-feira, com Fast Clube/AM - Penarol/AM e Nacional/AM - Manaus/AM, em rodada dupla.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[VÔLEI SENTADO] - Laiana Rodrigues segue para São Paulo/SP, onde vai defender o Sesi/SP

Da Assessoria de Comunicação da Sejel
Foto: Antonio Lima/Sejel

Manaus/AM - A medalhista de Bronze Paralímpica, Laiana Rodrigues, não para. Atrás de se aprimorar na modalidade que rende cada vez mais frutos, ela vai encarar agora uma temporada de treinos em São Paulo, pelo Sesi/SP, visando o Circuito Nacional e Internacional 2017. Para o período de preparação, a amazonense conta com o apoio do Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

A paratleta embarca para a Terra da Garoa neste domingo (05/03), e da capital segue para Suzano/SP, Zona Leste da Grande São Paulo (34 quilômetros da cidade). No município, ela irá dividir um apartamento com outra jogadora e deve passar, no mínimo, um mês longe da terra natal. "Vou me apresentar ao Sesi/SP, preciso fazer isso, e como ficaremos em Suzano/SP desta vez, e lá não tem alojamento do clube, vou dividir um apartamento com uma amiga de equipe e estou indo muito feliz e comprometida com essa preparação”, disse.

Ainda segundo Laiana, um dos focos para este ano é um Campeonato Mundial de Vôlei Sentado, na Finlândia, que deve ocorrer em abril, e reunir os principais times da modalidade. O torneio recebe equipes femininas e masculinas e é classificatório para os Jogos da América do Sul. “Uma das competições mais próximas é o Campeonato na Finlândia e aí vamos aguardar o calendário da Confederação Brasileira de Vôlei Sentado (CBVD) para verificar quais são as próximas competições que validam para o Ranking Nacional e Internacional. O fato é que precisamos estar em constante treinamento e disputas de olho no ciclo”, destacou a atleta, que receberá acompanhamento multidisciplinar enquanto estiver em São Paulo, pelo Sesi/SP.

“Pelo Sesi/SP temos o apoio multidisciplinar, com médicos, fisioterapeutas e outros profissionais importantes para o nosso desenvolvimento. Eu ainda não vou morar em São Paulo, mas este ano estou programada para várias temporadas. Devo ir para lá, pelo menos três vezes ao ano. Conversei muito com o meu técnico e tomamos esta decisão. Quando necessário, e até onde der, ficarei de endereço oficial em Manaus/AM”, sorri a paratleta.

Somando dois anos na Seleção Brasileira e títulos importantes, como o Mundial da Holanda e o Parapan-Americano de Toronto 2015, no Canadá, quando faturou medalha de Prata, Laiana também é dona de uma medalha de Bronze pelas Paralimpíadas Rio 2016 e de Ouro pela 1ª Liga Nacional Feminina de Paravôlei 2016.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

[BOM DIA MUSICAL] - O Tititi do Sapoti, GRES Estácio de Sá, do Rio de Janeiro/RJ - 1987

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Divulgação

Manaus/AM - Terça-feira Gorda de Carnaval (28/02), último dia de Folia e último dia Fevereiro. O Bom Dia Musical do Blog do Teófilo relembra o Samba de Enredo da Estácio de Sá de 1987, com um refrão pegajoso... O Samba Enredo é tão bom, que foi repetido pela Escola em 2007.

BOM DIA E BOA FOLIA A TODOS E A TODAS !!!

Escute a música em: https://www.letras.mus.br/gres-estacio-de-sa-rj/808868/

Isso virou tutti-fruti, tutti-multinacional... Virou goma de mascar, roda prá lá e prá cá, na boca do pessoal

Que tititi é esse
Que vem da Sapucaí?
Tá que tá danado
Tá cheirando a sapoti!

(Baila no céu)
Baila no céu a esperança
O cheiro doce e perfume
Vêm no ar

Olê, olê, olê
Vem de terra mexicana
Mandei buscar prá você

(Sacode prá colher...)
Sacode prá colher
Do pé que eu quero ver
Até o dia amanhecer

Dom João achou bom
Depois que o sapoti saboreou
Deu prá Dona Leopoldina
A Corte se empapuçou (e mandou...)

E mandou rapidamente
Espalhar no Continente
Até o Oriente conheceu

E hoje no quintal da vida sou criança
Me dá que o sapoti é meu

Isso virou tutti-fruti
Tutti-multinacional
Virou goma de mascar
Roda prá lá e prá cá
Na boca do pessoal


Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

[TRIATHLON] - Mixed Relay deve reunir mais de 300 atletas na Ponta Negra

Da Assessoria de Comunicação da Sejel
Fotos: Antonio Lima/Sejel

Manaus/AM - Um dos mais emocionantes e empolgantes eventos de Triathlon do mundo, o Mixed Relay, desembarca pela primeira vez no Brasil e Manaus/AM foi a cidade escolhida como sede. A competição acontece neste sábado (04/03), com largada às 7 horas, na Ponta Negra, e são esperados mais de 300 atletas. O evento é uma realização da Federação de Triathlon do Amazonas (Fetriam), com apoio do Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

No meio de centenas de competidores, a equipe Jonathan Tri Team/Sesc, formada pelos Triatletas Kilson Costa, Jonathan Alberto, Luana Gomes e Dauton Coronin, está confiante em superar o percurso de 250 metros de Natação, 6 quilômetros de Ciclismo e um quilômetro e meio de Corrida, sem pausas. O grupo está tão focado, que nem mesmo a Folia do Carnaval fez o quarteto deixar de lado os treinos. A preparação já soma mais de dois meses.

“Treinamos diariamente e aos finais de semana fazemos o simulado na Ponta Negra. É uma prova rápida de super sprint. Cada atleta vai ter que fazer as três modalidades e em seguida vai o outro atleta. O grande objetivo dela é mostrar para as pessoa que há condições de fazer uma prova com distância reduzida e estimular os colegas enquanto você espera sua vez. Queremos a superação”, disse Kilson Costa, que tem um ano e meio praticando o Triatlhon e considera que o método da prova pode atrair novos competidores.

“Muita gente fica com receio de iniciar no Triathlon ou de realizar uma prova por conta de achar que não terá condições de finalizar a competição. O Mixed Relay, com percurso e disputa variante, estimula o iniciante ou o admirador da modalidade a encarar a competição e, a partir daí, creio que teremos novos atletas no circuito. É um conceito novo de prova no Brasil, e que vai ajudar a difundir muito a modalidade, beneficiando a todos, pois quanto mais competitividade fica melhor”, destacou Costa.
A Mixed Relay de Triathlon será disputada em duas categorias: Oficial, sendo dois homens e duas mulheres, ou Aberto, que envolve quatro atletas de ambos os sexos. Concorrem a premiação de R$ 3.000,00 somente as equipes da categoria Oficial. A modalidade é uma forte candidata a se tornar Olímpica.

“Esse estilo de prova é bastante difundido fora do Brasil e essa vai ser a primeira vez que o País terá uma competição da modalidade, que envolve o revezamento de quatro atletas, durante todo o percurso na água, na bike e na corrida. O evento dando certo em Manaus/AM, muito possivelmente vai nos gabaritar para receber ano que vem uma competição nacional, no caso o Campeonato Brasileiro, e assim vamos ser pioneiros neste estilo. Além disso, essa modalidade é uma forte candidata para estar nos Jogos Olímpicos de 2024 e por isso temos que incentivá-la”, destacou o presidente da Fetriam, Antonio Neto.

O congresso técnico do Mixed Relay de Triathlon será na sexta-feira (03/03), às 19 horas, no auditório da Vila Olímpica de Manaus/AM, no Dom Pedro.

A premiação em dinheiro, no total de R$ 3.000,00, será apenas para os vencedores da categoria Oficial, sendo:

1º Colocado: R$ 1.500,00
2º Colocado: R$ 900,00
3° Colocado: R$ 600,00

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[BOM DIA MUSICAL] - Joana Galante, Axé dos Orixás, GRES Sem Compromisso, de Manaus/AM - 1986

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Divulgação

Manaus/AM - Com o Samba Enredo Joana Galante, Axé dos Orixás, de autoria de Aníbal Beça, a Sem Compromisso conquistou seu primeiro título no Grupo Especial do Carnaval Amazonense, em 1986.

Foi uma volta por cima. A Sem Compromisso não aceitou bem a vitória da Mocidade Independente de Aparecida, no Carnaval de 1983, quando Hotel Cassina foi unanimidade na cidade, mas nas notas dos jurados, a Escola ficou apenas no terceiro lugar. Fundada e dirigida por intelectuais vanguardistas, como forma de protesto, disputou o Carnaval de 1984 desfilando em Boa Vista/RR.

Curiosamente, o Carnaval de 1984 teve todas as Escolas de Samba que desfilaram declaradas como Campeãs, fato inédito até então: Aparecida, Vitória Régia, Barelândia e Andanças de Cigano. No retorno, em 1985, mais um terceiro lugar. A redenção e o primeiro título veio em 1986, com o Samba Enredo que o Blog do Teófilo relembra nesta Segunda Feira Gorda de Carnaval (27/02).

A exemplo de Hotel Cassina, a letra de Joana Galante, Axé dos Orixás não foi encontrada e mais uma vez a transcrição e publicação na internet da obra de Aníbal Beça parece ser exclusiva do Blog do Teófilo.

BOM DIA A TODOS E A TODAS !!!

Escute a música em: https://www.youtube.com/watch?v=0x2KKHvxHck

Salve Estrela do Norte, salve Joana Galantem guerreira, de reza forte!

Riscou a espada de luz
Axé dos Orixás
(dos Orixás),
na gira do dengue
Ogum, Beira Mar
Na gira de Mina
Iansan, com seu leque de penas
Xangô, atotô babá

Gira, gira, gira e roda
deixa a canjira girar
Não tem kizumba ou quebranto
que quebre meu Patuá

(Deixa prá mim)
Salve o meu Andarrô
Salve Estrela do Norte
Salve Joana Galante
Guerreira, de reza forte!

Serenou, da madrugada
deixa o sereno cair...
No canto negro do atabaque
hoje você é destaque
Obaluaê, Sem Compromisso.


Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

domingo, 26 de fevereiro de 2017

[COTIDIANO] - Sem Compromisso vem vendendo emoção...

Teófilo Benarrós de Mesquita
Fotos: Régis Santos, Alessandro Lira e Thaís Fernanda

Manaus/AM - Continuo aprendendo da Vida, ainda que aos 47 anos...

Planejei, desde outubro de 2016, desfilar, pela primeira vez, no Sambódromo de Manaus/AM. Tudo corria bem, até surgir um impedimento, ou quase impedimento. Resolvi arriscar e encarar o desfile. Fui tomado por uma ansiedade boa, confesso. Parte pelo temor de sentir algo na avenida: ou o incômodo que venho tratando desde janeiro me deixar fora de combate no meio do sonho, ou a emoção de finalmente defender a Escola de Samba que adoro desde 1983, com Hotel Cassina, me causar um piriri na passarela. Tudo besteira. Correu tudo bem e curti cada segundo, apesar de não ter noção de quanto tempo passei enganando, fingindo ser um grande passista!

No início, eu ia só, pois aprendi, em 2016, que nossos Planos dizem respeito somente a nós. E que quanto menos você propagar suas metas, mais fácil de atingi-las, por mais difícil que ela seja. Quando minha Mãe, Ledice Benarrós de Mesquita, soube que iria estrear, deixou escapar: "mas tu nem falou nada. Vou querer ir. Dá um jeito de conseguir Fantasia para mim também". E pedido de Mãe não se discute, se cumpre!

Chegamos cedo. Na verdade fomos os primeiros de nossa Ala, do Índio, no Enredo Eu Tenho Prá Vender... Quem Quer Comprar? De repente os conhecidos começaram a chegar... Primeiro, o casal Régis Santos e Lídia Lopes, incentivadores da minha estreia, já esperados. Daqui a pouco, Jofre, Gleice e o filho Pedro Henrique, amigos de longa data e uma grata surpresa. E os que não conhecíamos, logo se tornaram nossos amigos, como um bom enredo de Carnaval.
A sensação de desfilar é indescritível. A emoção e satisfação só aumenta, quando o desfile é por sua Escola de Samba amada. O sentimento é mais intenso ainda quando você alia os dois fatores em sua primeira vez... Obrigado especialmente ao Presidente da Sem Compromisso, Getúlio Lobo, e a sua esposa (Primeira Dama), Lívia Lobo por permitirem que eu experimentasse tantas sensações e emoções no Sábado Gordo de Carnaval (26/02).

Ano que vem quero mais, em dose dupla. Vou repetir a Sem Compromisso. E escolher a segunda Escola de acordo com o Enredo a ser defendido. Já está decidido. Que Deus permita que isso se realize. E, com certeza, já sem o incômodo que me persegue... E, também com certeza, com minha Mãe ao meu lado, de novo.

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

[BOM DIA MUSICAL] - E Por Falar Em Saudade..., GRES Caprichosos de Pilares, do Rio de Janeiro/RJ - 1985

Teófilo Benarrós de Mesquita
Foto: Divulgação

Manaus/AM - Em 1985 o Brasil ainda era somente Tri-Campeão Mundial de Futebol. Dois anos antes, a Taça Jules Rimet, conquistada de forma definitiva em 1970 no México foi roubada no Rio de Janeiro, derretida, e vendida como ouro [embora para mim, a Jules Rimet tenha se perdido mesmo em 1966, na Inglaterra. Mas os ingleses, malandros mais que os brasileiros, inventaram uma história mirabolante e, literalmente, todo o Mundo acreditou. Menos eu, é claro]. No Brasil, o Botafogo/RJ carregava a sina de não ser Campeão há 17 (desde 1968), jejum que ainda durou mais três anos, só sendo quebrado em 1989.

Em 1985, o tabu da virgindade (feminina, é claro) era tema de discussão avançada, não causando mais tanto espanto. E, engatinhando ainda no Processo de Redemocratização, o Brasil teve que engolir mais uma eleição indireta, pelo Congresso Nacional, que elegeu Tancredo Neves, numa corrida contra Paulo Maluf (!!!), embora o clamor do povo brasileiro fosse votar para Presidente da República, direito suspenso logo após a vitória popular de Jânio Quadros, em 1961, mais especificamente em 1964, em razão do Golpe Militar que levou as Forças Armadas ao Poder.

Tudo isso teria como se misturar num Samba Enredo? Difícil de imaginar, né?

Mas a Caprichosos de Pilares premiou o público brasileiro com tal proeza, movida com muita irreverência. A fórmula deu ainda mais certo graças a grande empatia de Carlinhos de Pilares, que deu um toque especial ao Samba Enredo, cantado em todo o Brasil até os dias atuais, embora os temas todos fossem perdendo consistência histórica. A força de E Por Falar Em Saudade... é tão grande que tornou a Caprichosos de Pilares em nova Queridinha do Brasil, e foi revivida na Marquês de Sapucaí em 2010, com o mesmo entusiasmo de 15 anos atrás.

Então, e por falar em saudade, neste Domingo Gordo de Carnaval (26/02), o Blog do Teófilo deseja muita boas lembranças e alegrias, revivendo este divertido Samba Enredo, composto por Almir de Araújo, Balinha, Marquinho Lessa, Hércules e Carlinhos de Pilares.

BOM DIA, COLOMBINAS E PIERRÔS !!!

Escute a música em: https://www.letras.mus.br/caprichosos-de-pilares-rj/472989/

Onde andam vocês, ô ô ô, antigos carnavais? Os sambistas imortais, bordados de poesia

Oh! Saudade, ô
Meu carnaval é você
Caprichosamente
Vamos reviver, vamos reviver...
"Saudadeando" o que sumiu no dia-a-dia
Na fantasia de um eterno folião
O bonde
O amolador de facas
O leite sem água
A gasolina barata
Aquela Seleção Nacional
E derreteram a taça na maior cara-de-pau

Bota, bota, bota fogo nisso (bis)
A virgindade já levou sumiço

(Quero votar!)
Diretamente, o povo escolhia o presidente
Se comia mais feijão
Vovó botava a poupança no colchão
Hoje está tudo mudado
Tem muita gente no lugar errado

Onde andam vocês, ô ô ô
Antigos carnavais?
Os sambistas imortais
Bordados de poesia
Velhos tempos que não voltam mais
E no progresso da folia...

Tem bumbum de fora pra chuchu (bis)
Qualquer dia é todo mundo nu...


Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita