quinta-feira, 27 de julho de 2017

[STAND UP PADDLE] - Pablo Casado disputa segunda etapa do Campeonato Brasileiro

Da Agência Maxi Mídia
Fotos: Divulgação

Manaus/AM - Expoente do Stand Up Paddle na Região Norte, Pablo Casado embarca para mais um desafio em águas nacionais. Desta vez, o atleta disputará o Bahia Race Pro, competição equivalente a Segunda Etapa do Campeonato Brasileiro de SUP, na categoria 14 Pés Máster, nos dias 4 e 5 de agosto, em Salvador/BA.

Único representante do Amazonas em competições nacionais da modalidade há quatro anos, Casado conquistou a terceira colocação na Primeira Etapa do Brasileiro, no mês de maio, e ainda se mantém na briga pelo título mais importante da temporada. "A competição reúne os principais nomes do esporte e estar entre os primeiros é uma satisfação imensa. Na última etapa acabei terminando a prova lesionado, mas com apoio da minha equipe técnica, consegui recuperar e estou indo muito confiante”, avaliou.

Com poucos atletas profissionais de SUP na região, Casado assume o comando da Federação da modalidade no estado. A expectativa, segundo ele, é que no próximo ano mais competidores do Amazonas possam disputar o circuito nacional. "Nesse ano ainda realizaremos algumas etapas do Campeonato Amazonense de SUP e a nossa vontade é reunir os vencedores em cada categoria e assim levar, no ano que vem, a primeira equipe do Amazonas a uma competição nacional”, ressaltou.

Pablo Casado detém marcas importantes na carreira como o Título Brasileiro em 2015 e do Aloha Spirits em 2014. Hoje coordena o Projeto SUPerar, no qual ensina Stand Up Paddle a aproximadamente 100 crianças por dia das comunidades do Tarumã, Novo Livramento e Tupé. As aulas são realizadas no flutuante Tribal SUP, localizado na Praia Dourada, Tarumã, zona Oeste.
Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita

terça-feira, 25 de julho de 2017

[COPA LEÃO BRAÚNA] - São Raimundo/AM conquista Torneio Início

Da Assessoria de Comunicação da Sejel
Fotos: Mauro Neto e Anderson Silva/Sejel

Manaus/AM - A amizade marcada nos campos de futebol no início da década de 1990 voltou a ser celebrada dentro de um Estádio, na tarde e noite deste domingo (23/07), através do Torneio Início da Copa Leão Braúna, que reúne apenas ex-atletas de futebol da base do Amazonas. O evento, que ocorreu no Ismael Benigno, mais conhecido como Colina, recebeu apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Pelo Torneio Início, participaram 13 times, sendo: São Raimundo/AM, Nacional/AM, Sul América/AM, América/AM, Fast Clube/AM, Tarumã/AM, Cliper/AM, Libermorro/AM, Rio Negro/AM, Cepe/AM, Grêmio Iranduba/AM, Holanda/AM e Comercial/AM. A competição oficial começa no próximo sábado (29/07), com o total de 85 jogos e mais de 300 jogadores no certame. No final de semana, rolam seis jogos, sendo que o Holanda/AM folga.
Na disputa que marcou o início do reencontro de grandes ex-futebolistas e presta homenagem para o ex-treinador Leão Braúna - falecido em janeiro deste ano -, a equipe do São Raimundo/AM acabou conquistando o título do Torneio ao vencer por 2-1 o Holanda/AM, com gols de Tamilson e Cafú. Pocó descontou para o time do homenageado e ficou com o troféu de artilheiro da competição com três gols.

O Tufão da Colina mostrou um time coeso, entrosado e unido, deixando para trás as equipes do Sul América/AM, Libermorro/AM, Comercial/AM e Holanda/AM. Seguro na meta alviceleste, o goleiro Webber mostrou a boa forma dos tempos passados e ajudou o time colinense a conseguir o troféu dentro de casa e com o apoio da torcida. O arqueiro pegou seis pênaltis, fez defesas importantes e ficou com o título de melhor goleiro da competição.
“Eu tenho uma facilidade (para pegar pênaltis) e espero um pouquinho o jogador chutar a bola. Também tenho informações de alguns companheiros que jogaram com outros jogadores e isso facilita um pouco mais. É bom ganhar um título e o São Raimundo/AM já estava merecendo. Esse ano foi difícil para o clube, rebaixado no Campeonato (Amazonense) e espero que seja dada a volta por cima”, contou o goleiro.

Autor do segundo gol da final, o ex-atacante do Cliper/AM, Fast Clube/AM, Nacional/AM, Rio Negro/AM, mas com uma sólida carreira no São Raimundo/AM, Cafú pode lembrar dos momentos inesquecíveis com o clube da Colina, principalmente ao celebrar o título com a torcida presente.

“Acho que voltei 20 anos. É muito gostoso você fazer um gol e ver a torcida gritar pelo seu nome. É muito gostoso, ainda mais fazendo o gol pelo clube que eu gosto. Agora vamos trabalhar, se unir ainda mais e ver o que vai acontecer daqui pra frente na competição”, disse.

ARTILHEIRO
Com o vice-campeonato que marca o início da competição que segue até o mês de outubro, os jogadores do Holanda/AM entraram na disputa para homenagear o fundador do clube. Para chegar até à final, o time fundado pelo ex-treinador passou por Nacional/AM e Fast Clube/AM.

“Nosso grupo é formado por ex-jogadores do Nacional/AM. Fomos campeões da base em 1993 e 1994 com o Leão sendo nosso técnico e fizemos essa homenagem para ele. Conseguimos esse segundo lugar, fiz dois gols de pênalti e um na Final, e dedico esse troféu ao meu filho, Tony Junior. Ele nunca me viu jogar, infelizmente não pode estar aqui no Estádio e essa conquista vai para ele”, declarou o jogador.

Feliz pelo legado de alegria e fortalecimento do futebol de base, a filha do ex-treinador, Vanusa Braúna, 39 anos, presente no Torneio, ficou surpresa com o carinho dos ex-jogadores. “Estou muito feliz em saber que o meu Pai ainda é muito querido, onde quer que esteja. É uma emoção muito grande. Só tenho a gradecer a todos da organização e a todos os jogadores que estiveram participando em memória do meu Pai”, disse.

Para o presidente da Lirdam, Júnior Mendes, o sucesso do Torneio Início marca um novo momento para o futebol amador do Amazonas. “A intenção é homenagear e nunca deixar que seja esquecido nome do Leão. Foi uma verdadeira festa, jogos de qualidade mostrados pelos ex-craques que ainda jogam muito e bem. Homenageamos as pessoas que contribuíram para o nosso futebol e que ainda contribuem. Não podemos deixar morrer o futebol do Amazonas, principalmente o de Base. Agradeço pelo apoio da Sejel que abriu as portas do Estádio, e é bom que se diga que nunca um órgão valorizou tanto a base como está valorizando desde o ano passado para cá. Só temos a agradecer”, frisou.
RESULTADOS DO TORNEIO INÍCIO LEÃO BRAÚNA
Rio Negro/AM 4-3 Cliper/AM
Comercial/AM 1-0 América/AM
Grêmio Iranduba/AM 1-2 Tarumã/AM
Sul América/AM 0-0 São Raimundo/AM [nos pênaltis, 1-2]
Cepe/AM 0-1 Libermorro/AM
Holanda/AM 2-1 Nacional/AM

SEGUNDA FASE
Fast Clube/AM 0-0 Rio Negro/AM [nos pênaltis, 6-5]
Comercial/AM 3-1 Tarumã/AM
São Raimundo/AM 2-1 Libermorro/AM

SEMIFINAL
Holanda/AM 2-0 Fast Clube/AM
Comercial/AM 0-0 São Raimundo/AM [nos pênaltis, 1-2]

FINAL
Holanda/AM 1-2 São Raimundo/AM

JOGOS DA 1ª RODADA - COPA LEÃO BRAÚNA
Sábado (29/06)
15 horas - Comercial/AM - América/AM - Estádio Tenente Álvaro Maranhão, em Iranduba/AM
16 horas - Rio Negro/AM - Cliper/AM - Campo da Fazenda São Pedro
16h15min - Grêmio Iranduba/AM - Tarumã/AM - Estádio Tenente Álvaro Maranhão, em Iranduba/AM

Domingo (30/06)
10 horas - Sul América/AM - São Raimundo/AM – Estádio Ismael Benigno, a Colina.
10 horas - Cepe/AM - Libermorro/AM - Campo do Clube da Petrobras.
10 horas - Nacional/AM - Fast Clube/AM

Com cordiais
Saudações Fastianas!
Teófilo Benarrós de Mesquita